fbpx

Por que sua informação é importante?

Por que sua informação é importante para as empresas?

Sua informação, via de regra, é explorada por intermédio do behavioral marketing (marketing de comportamento). Trata-se de propaganda, oportuna e pertinente, direcionada ao consumidor real.

Para tanto, as empresas registram, monitoram e armazenam seus dados de comportamento. 

O marco civil da internet (lei 12.965) errou por não disciplinar o tema de forma adequada.

Para ser sincero, deixou um buraco imenso na privacidade do brasileiro.

Esse “buraco”, foi explorado de forma eficiente pelos grandes provedores de aplicações.

Para tentar resolver esse problema, surge a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD – Lei 13.709/18) que regulamenta como deve ser o tratamento de dados.

É comum ouvir que na Era da Informação, a própria informação é tida como moeda de troca.

Há, segundo alguns doutrinadores, um novo modelo de negócio que envolve todo o meio digital.

Neste modelo, ao instalar um aplicativo no Smartphone, por exemplo, você deve autorizar o registro de dados cadastrais, localidade, dentre outros, caso contrário sequer ocorrerá o download do aplicativo.

Trata-se, portanto, de uma condição imprescindível. O fornecimento da sua informação consagra verdadeira contraprestação. 

A informação do usuário pode ser coletada por diversas técnicas.

Uma técnica bastante famosa é o uso de cookies.

Este arquivo, altamente programável, é inserido na máquina do usuário.

Por exemplo, é possível programa-lo para coletar determinado dado, em determinada hora, até determinado dia.

É possível, inclusive, programa-lo para, de forma maliciosa, coletar dados cadastrais. 

  

Quanto vale a minha informação?

Recentemente, o Facebook adquiriu o Whatsapp pelo preço aproximado de R$19.000.000.000,00 (dezenove bilhões de reais).

Na oportunidade, cerca de 450 milhões de usuários estavam registrados naquele aplicativo. Dois fatores, sem dúvida alguma, foram de suma importância para a avaliação da empresa: o aviltamento (capacidade de gerar lucro) e a base de dados da empresa. 

Podemos concluir, então, que a informação do usuário, hoje, vale muito e, provavelmente, valerá cada vez mais. O informação pode ser explorada de forma variada, mas seu principal direcionamento é, sem dúvida alguma, o marketing das grandes corporações.

Conhecer os hábitos e preferências de cada consumidor pode auxiliar na geração de uma propaganda adequada e pertinente, ou seja, direcionada aquele que, de fato, deseja o produto. Trata-se, portanto, de oferecer o produto ao consumidor real.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.